Saúde

Alcoolismo e o coração

O alcoolismo revela-se, cada vez mais, como um dos grandes vilões da saúde e, infelizmente, seu índice de mortalidade tem crescido entre os jovens. E se engana quem pensa que um dos órgãos mais afetados é o fígado. O coração também sofre várias avarias quando o consumo do álcool é exagerado. Abaixo o médico cardiologista Otavio Celso Eluf Gebara explica a relação entre o álcool e o coração.

Como o consumo do álcool afeta o funcionamento do coração?

O álcool parece ter um efeito benéfico sobre o metabolismo de colesterol, reduzindo o depósito deste na parede da artéria, e dessa forma reduzindo o processo de aterosclerose.

Existe algum benefício que o consumo controlado do álcool possa trazer ao coração?

Estudos epidemiológicos das décadas de 80 e 90 reforçaram as bases do que se convencionou chamar de “paradoxo francês”: a baixa incidência de doenças cardiovasculares na França, apesar da dieta rica em gorduras característica dos franceses. O hábito do vinho às refeições, universal na França, foi adotado como explicação para a existência desse paradoxo. Rico em certos flavonoides, o vinho teria propriedades antioxidantes que melhorariam a função vascular, reduzindo o número de ataques cardíacos e derrames cerebrais entre seus consumidores.

Beber uma taça de vinho por dia faz bem ao coração? Por quê?

Sim, isso traz efeitos benéficos sobre o colesterol e um efeito antioxidante, reduzindo a aterosclerose.

Alguma outra bebida alcoólica pode trazer benefícios ao coração?

O vinho parece ser a bebida que apresenta melhor evidência científica, mas estudos com mais de 38.000 pacientes mostraram que o que importaria é a quantidade de álcool, independente do tipo de bebida (cerveja, vinho ou destilados). Por outro lado, estudos em animais realizados no InCor em São Paulo demonstraram que o suco de uva integral também exercia efeitos benéficos na prevenção da aterosclerose.

Quais os danos que o excesso no consumo de álcool pode causar ao coração?

O consumo excessivo de álcool está associado a risco maior de infarto do miocárdio e miocardiopatia dilatada (insuficiência cardíaca).

Quais hábitos uma pessoa que bebe “socialmente” deve ter para manter uma boa saúde do coração?

O consumo deve ser moderado (1-2 drinques por dia). Controlar os fatores de risco tradicionais é mais importante do que o consumo de álcool. Controle de colesterol, hipertensão, diabetes e praticar exercícios físicos moderados é comprovadamente mais eficaz.

Fonte: http://idmed.uol.com.br/viva-melhor/alcoolismo-e-o-coracao-saiba-quais-sao-os-efeitos-que-esse-habito-pode-causar-a-esse-orgao-vital.html?utm_medium=twitter&utm_source=twitterfeed

Be Sociable, Share!

Tags:
, , , ,

Deixe seu comentário!

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.

 
Comunidade
Notícias
Entre em contato!
Acompanhe também:

 

OrganicsNet. Av. General Justo, 171 - 7° andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Brasil - Telefone: +55 21 2282 5157