OrganicsNet nas redes sociais:


 

Técnicas

Tratamento ecológico impede a ferrugem na soja

09/07/2019

Um novo tratamento ecológico que impede que a disseminação da ferrugem nas lavouras agrícolas está sendo desenvolvido pela Amoéba, uma empresa francesa de produtos biotecnológicos. De acordo com a desenvolvedora, esse pode ser o primeiro produto desse tipo para controle da ferrugem asiática na soja.

“Até o momento, não há nenhum produto de biocontrole no mundo para o tratamento de ferrugem ou ferrugem da soja. O mercado de culturas de campo é de longe o mais importante mercado de fungicidas. Para informação, o mercado de fungicidas para cereais na Europa é estimado em US$ 2 bilhões e US$ 1 bilhão apenas para o tratamento da ferrugem da soja no Brasil. Esta nova demonstração de eficácia contra uma das doenças mais combatidas do mundo confirma a dimensão estratégica do biocontrole no desenvolvimento do portfólio de aplicações da Amoéba”, disse a empresa, através de sua assessoria de imprensa.

De acordo com a Amoéba, esse fato é importante para ampliar seu espectro de ação na aplicação de biocontrole, demonstrando uma eficácia in-flal de mais de 85% contra a ferrugem do feijoeiro usada como modelo. Os testes foram realizados por uma empresa especializada independente, de acordo com um protocolo padrão.

“Estes novos resultados nos mostram que o produto tem um amplo espectro de ação, mas a extensão ainda não foi definida. O uso de nossa experiência em plantações poderia expandir consideravelmente nossa gama de tratamentos. O desafio para nós agora é fazer a maior parte destes avanços e o mais rápido possível com parceiros externos “, afirma Fabrice Plasson, presidente e CEO da Amoéba.

Fonte: Agrolink

 

Tags:
,