EUA: Menos leite orgânico na prateleira

Menos leite orgânico na prateleira e aumento do preço afeta consumidor

Foto:. Evan Sung
Mesmo que o leite orgânico custa mais do que o leite convencional, suas vendas estão crescendo.

Em todo os Estados Unidos é notável a diminuição do leite orgânico nas prateleiras de lojas, supermercados etc. Frustados, alguns consumidores manifestam a falta do produto através de placas com os dizeres do tipo: “Onde está o meu leite orgânico?”. Produtores afirmam que apesar de grande procura, a produção vem diminuindo devido ao alto custo da produção, e que a partir do mês que vem haverá alta de preço.

Para ser orgânico, ao chegar na mesa do consumidor o leite não deverá conter nenhum resíduo de agrotóxico, ou seja, a alimentação oferecida às vacas tem que ser orgânica. E o alto custo desse tipo de alimentação é a principal causa para o aumento de preço. O custo de grãos orgânicos e feno para os animais sofreu alta. Quanto menor quantidade de alimento para os animais consumirem, menor a produção de leite.

Contudo, é relevante o aumento do consumo do leite orgânico no país e por isso, muitos produtores de leite convencional já se converteram para a produção orgânica. Segundo o Departamento de Agricultura  em 2010 no período de janeiro a outubro, houve aumento de 17%  no consumo em relação ao ano anterior e durante o mesmo período, a venda do leite convencional caiu 2%.

A escassez de produção é evidente na Coste Leste do país e em outras regiões há poucos pontos de vendas que abasteçam suficientemente a demanda consumidora. Vendedores não conseguem manter o produto nas prateleiras e quando disponível ficam por pouco tempo. Representantes da Wegmans, cadeia com 79 lojas (entre as cidades de Massachusetts e Virgínia), confirmam a diminuição da marca de leite Horizon, uma das mais conhecidas no país.

“Os nossos suprimentos são esporádicos. Estamos trabalhando com nossos fornecedores para garantir a maior quantidade possível de leite orgânico”, disse Kimberly Jaeger, porta-voz da Publix – rede de supermercados  com mais de mil lojas espalhadas por 5 estados no país -,  Jaeger acrescenta que  a escassez do leite começou no mês de novembro.

“É lastimável esperar por mais vendas e obter pouco leite”, lamenta George L. Siemon, executivo-chefe da Cropp, cooperativa de agricultores  que produz o leite Organic Valley.

Tony Azevedo, um agricultor orgânico

Como alguns consumidores puderam perceber, alguns dos  pontos de vendas, reajustaram o preço com aumento de 10%, já que o meio galão de leite orgânico, antes vendido por US $ 3,99, hoje chega a custar US$ 4,39.

Fonte.: The New York Times
Saiba mais, acesse a matéria na integra. Clique Aqui.

LEIA TAMBÉM

Share your thoughts