Exportação de Produtos Orgânicos para Alemanha

Palestra apresentada pela Dra. Maria de Fátima Veiga na Biofach 2006 – Nuremberg, Alemanha, coloca que a exportação de produtos alimentares, orgânicos e cosméticos para a Alemanha devem ser consideradas não só as questões alfandegárias, mas primeiro de tudo observar as normas do direito alimentar europeu e alemão a cumprir e limitações à importação de determinados produtos; a mercadoria só é despachada na alfândega se vier acompanhada de toda a documentação necessária e for aprovada nas inspeções previstas na lei. O respeito a estes trâmites permitirá negociar contratos de comercialização dos produtos seguros e lucrativos na Alemanha e na Europa, mas convém estar bem informado acerca das condições legais e custo de importação.

Clique aqui e veja a apresentação na íntegra

Share your thoughts