IFOAM: Requisitos padrões aprovados

IFOAM: Requisitos Padrões aprovados

IFOAM

Desde de 16 de junho de 2011 até 28 de Julho de 2011, membros da IFOAM votaram pela aprovação dos requisitos padrões da IFOAM. Os membros votaram “sim” com uma impressionante marca de 93,8% dos votos. 2% votaram “não”, e 4,2% dos votos foram inválidos ou brancos. Um total de 145 membros da IFOAM (entre 632) votou, trazendo a taxa de participação de voto para 23%.
Com estes votos, os membros da  IFOAM ratificaram a decisão do Conselho Mundial da IFOAM e aceitaram os Requisitos padrões da IFOAM, também chamado de COROS (objetivos comuns e requisitos dos padrões Orgânicos), a nova norma e referência para aceitação ou rejeição dos padrões orgânicos para os padrões de família IFOAM. Esta ratificação vem em cima do apoio oficial da FAO e da UNCTAD, que já aprovou a COROS no quadro do projecto GOMA Portanto o COROS,  beneficia agora toda a legitimidade do movimento orgânico e endosso ao mais alto nível inter-governamental, para atuar como a ferramenta para desenhar a linha entre os padrões orgânicos e não orgânicos, e promover a equivalência multilateral de padrões orgânicas.
IFOAM começou a usar a ferramenta para avaliar os 13 padrões requerente e os 42 outros padrões já aprovados na Família, com base em critérios iniciais, relatórios IFOAM.

A Família de Padrões IFOAM, uma vez completamente finalizada, será o diretório único de todos os padrões orgânicaos reconhecidos e regulamentos técnicos. Poderá servir governos em suas análises de equivalência de outros padrões. Além disso, também fornece uma rigorosa análise técnica de padrões para padrões para os proprietários e uma chance de melhorar ainda mais os seus padrões para atender todos os requisitos do COROS.

Fonte: Organic-Market

Share your thoughts