Programa Nacional de Agroecologia

A proposta de criação de um Programa Nacional de Agroecologia foi apresentada pela ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, nessa quinta, dia 18, com representantes do Movimento de Pequenos Agricultores (MPA). A intenção é contribuir para o desenvolvimento sustentável no campo.

– É preciso ter alimentos sem agrotóxicos para todo o povo brasileiro e não só para a elite – destacou Teixeira.

A importância da agricultura familiar para a proteção do meio ambiente e a questão embiental como forma de melhoria da agricultura familiar foram alguns dos principais pontos da pauta.

– O cuidado com o meio ambiente é uma coisa que a gente sempre teve. Sem os recursos naturais a gente não tem produção. E o pagamento por serviços ambientais é o reconhecimento e o incentivo – disse Raul Krauser, integrante do MPA.

Para a ministra Izabella Teixeira, é preciso ampliar o diálogo com quem usa o meio ambiente e não só com aqueles que têm por definição proteger o meio ambiente. Ela sugeriu aos representantes do movimento que apresentem projetos estruturantes para melhorar a qualidade de vida de quem está na ponta. A educação ambiental foi outro ponto fundamental tratado pela ministra com o grupo. Temas como mudanças climáticas e água têm influência direta no cotidiano do campo.

– Na vulnerabilidade climática, falta de água e degradação da terra, o pequeno agricultor é o primeiro a ser afetado. Depois o consumidor, com o preço do alimento – ressaltou.

fonte: Ministério de Meio Ambiente

Share your thoughts